Crescimento inicial de mandioca ‘IAC-12’ em convivência com picão-preto e braquiária

Evander Alves Ferreira, Christiano da Conceição de Matos, Renan Rodrigues Braga, Christiane Augusta Diniz Melo, Daniel Valadão Silva, Edmilson Alves Barbosa, José Barbosa dos Santos

Resumo


Resumo: A presença de plantas daninhas em mandiocais pode resultar em menor produtividade, além de
aumentar o custo de produção da cultura. Visando obter informações sobre o comportamento de plantas de
mandioca em convivência com plantas daninhas, realizou-se este trabalho com o objetivo de avaliar o
crescimento da mandioca cultivar IAC-12, cultivada em convivência com densidades crescentes de picãopreto
(Bidens pilosa L.) e braquiária (Brachiaria brizantha Stapf). Utilizou-se o delineamento de blocos
casualizados com quatro repetições. Os tratamentos foram dispostos em esquema fatorial 2 x 5, sendo o
fator A representado pelas duas espécies em convívio com a mandioca: Brachiaria brizantha (braquiária) e
Bidens pilosa (picão-preto) e o fator B pelas cinco densidades das plantas daninhas (0; 20,0; 40,0; 60,0 e
80,0 plantas m-2). Aos 50 dias após a emergência das plantas foram realizadas avaliações de crescimento
da cultura através da altura de plantas, do diâmetro do caule, do número de folhas, da área foliar e da
massa da matéria seca. Plantas de mandioca apresentaram redução do potencial de crescimento pela
convivência com as duas plantas daninhas. O aumento da densidade das plantas daninhas intensificou a
interferência e os danos no crescimento da cultura. Brachiaria brizantha foi a espécie que mais prejudicou o crescimento da mandioca.

Palavras chave: Brachiaria brizantha, Bidens pilosa, Competição.


Texto completo:

PDF

Referências


Albuquerque, J. A. A., Sediyama, T., Silva, A.A.,

Carneiro, J. E. S., Cecon, P. R., & Alves, J.M.A.

(2008). Interferência de plantas daninhas sobre a

produtividade da mandioca (Manihot esculenta).

Planta Daninha, 26 (2), 279-289.

Alcântara, E. N., Carvalho, J. E. B., & Lima, P. C.

(1982). Determinação do período crítico de

competição das plantas daninhas com a cultura

da mandioca (Manihot esculenta Crantz)

(Relatório Projeto mMandioca 76/79), Belo

Horizonte.

Azevêdo, C. L. L., Carvalho, J. D., Lopes, L. C., &

Araújo, A. D. A. (2000). Levantamento de plantas

daninhas na cultura da mandioca, em um

ecossistema semi-árido do Estado da

Bahia. Magistra, 12, (1/2), 41-49.

Balbinot JRJr., A. A., Fleck, N. G., Barbosa Neto,

J. F., & Rizzardi, M. A. (2003). Características de

plantas de arroz e a habilidade competitiva com

plantas daninhas. Planta Daninha, 21 (2), 165-

Biffe, D. F., Constantin, J., Oliveira Jr., R. S.,

Franchini, L. H. M., Rios, F. A., Blainski, E.,

Arantes, J. G. Z., Alonso, D. G., & Cavalieri, S. D.

(2010). Período de interferência de plantas

daninhas em mandioca (Manihot esculenta) no

noroeste do Paraná. Planta Daninha, 28, (3), 471-

Carvalho, L. B., Bianco, S., Pitelli, R. A., &

Bianco, M. S. (2007). Estudo comparativo do

acúmulo de massa seca e macronutrientes por

plantas de milho var. BR-106 e Brachiaria

plantaginea. Planta Daninha, 25, ( 2), 293-301.

Cock, J. H., Franklin, D., Sandoval, G., & Juri, P.

(1979). The ideal cassava plant for maximum

yield. Crop Science, 19, 271-279.

Costa, N. V., Cardoso, L. A., Rodrigues, A. C. P.,

& Martins, D. (2008). Períodos de interferência de

uma comunidade de plantas daninhas na cultura

da batata. Planta Daninha, 26, (11,) 83-91.

Duarte, A. P., Silva, A. C., & Deuber, R. (2007).

Plantas infestantes em lavouras de milho safrinha,

sob diferentes manejos, no Médio

Paranapanema. Planta Daninha, 25 (2), 285-291.

Ferreira, E. A., Concenço, G., Silva, A. A., Reis, M.

R., Vargas, L., Viana, R. G., Guimarães, A. A. &

Galon, L. (2008). Potencial competitivo de

biótipos de azevém (Lolium multiflorum). Planta

Daninha, 26 ( 2), 261-269.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

(2011). Sétima previsão da safra 2011/2012.

Recuperado de

http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias

/noticia_v.

Jakelaitis, A., Silva, A. F., Pereira, J. L., Silva, A.

A., Ferreira, L. R., & Vivian, R. (2006). Efeitos de

densidade e época de emergência de Brachiaria

brizantha em competição com plantas de milho.

Acta Scientiarum Agronomy, 28 (3), 373-378.

Johanns, O., & Contiero, R. (2006). Efeitos de

diferentes períodos de controle e convivência de

plantas daninhas com a cultura da mandioca.

Revista Ciência Agronômica, 37, 326-331.

Lamego, F. P. Fleck, N. G., Bianchi, M. A., & Vidal,

R. A. (2005). Tolerância à interferência de plantas

competidoras e habilidade de supressão por

cultivares de soja I. Resposta de variáveis de

crescimento. Planta Daninha, 23, ( 3), 405-414.

Lorenzi, J. O., & Dias, C. A. C. (1993). Cultura da

mandioca (Boletim Técnico, N. 211, 41p).

Campinas: Coordenadoria de Assistência Técnica

Integral.

Moura, G. M. (2000). Interferência de plantas

daninhas na cultura de mandioca (Manihot

esculenta) no estado do Acre. Planta Daninha, v.

( 2), 235-240.

Pacheco, C., Chavarria, P. L. & Mata, R. H.

(1974). Herbicidas em pré-emergência en el

cultivo de la yuca (Manihot esculenta Crantz)

(Comunicado Técnico, n.1, 12p). Costa Rica:Estación Experimental Fábio Banchit.

Peressin, V. A., & Carvalho, J. E. B. (2002).

Manejo integrado de plantas daninhas em

mandioca. In: Cereda, M. P. (2002). Cultura de

Tuberosas Amiláceas Latino Americanas (vol. 2,

pp. 302-349). São Paulo: Fundação Cargil.

Pinotti, E. B., Bicudo, S. J., Curcelli, F., &

Dourado, W. S. (2010). Levantamento florístico

de plantas daninhas na cultura da mandioca no

município de Pompéia – SP. Revista Raízes e

Amidos Tropicais, 6, 120-125.

Pitelli, R. A. (1984, outubro). Interferência das

plantas daninhas em culturas olerícolas. Anais

doIn: Congresso Brasileiro de Olericultura, 24;

Reunião Latinoamericana de Olericultura (pp. 75-

. Jaboticabal: FCAV/UNESPSP, Brasil, 1, 24.

Pitelli, R. A. (1985). Interferência de plantas

daninhas em culturas agrícolas. Informe

Agropecuário, 11, ( 129), 16-27.

Silva, A. F., Concenço, G., Aspiazú, I., Ferreira, E.

A.;, Galon, L., Coelho, A. T. C. P., Silva, A. A., &

Ferreira, F. A. (2009). interferênciaInterferência

de plantas daninhas em diferentes densidades no

crescimento da soja. Planta Daninha, 27, (1), 75-

Silva, D. V., Santos, J. B., Ferreira, E. A., Silva, A.

A., França, A. C., & Sediyama, T. (2012). Manejo

de plantas daninhas na cultura da mandioca.

Planta Daninha, 30, (4), 901-910.

Silva, D. V., Santos, J. B., Silva, Cury, J. P.,

Carvalho, F. P., Silva, E. B., Fernandes, J. S. C.,

Ferreira, E. A., & Concenço, G. (2013).

Competitive capacity of cassava with weeds -

Implications on accumulation of dry matter.

African Journal of Agricultural Research, 8 (6),

-238.

Teixeira, I. R., Silva, R. P., Silva, A. G., & Freitas,

R. S. (2009). Competição entre feijoeiros e

plantas daninhas em função do tipo de

crescimento dos cultivares. Planta Daninha, 27,

(2),235-240.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Magistra

ISSN 2236-4420 - versão on line